Blog

Colunas Micro Empacotadas

As colunas micro empacotadas são colunas em geral de aço inoxidável de diâmetro reduzido preenchidas com suporte solido de terra diatomácea, polímero poroso, peneira molecular ou outros enchimentos. Em geral essas colunas possuem de 1m a 2m de comprimento 0,95 mm de diâmetro externo x 0,75 mm de diâmetro interno ou 1/16 polegadas de diâmetro externo x 1 mm de diâmetro interno. Apresentam diâmetro maior que as colunas mega bore (0,53mm d.i.) e menor que as colunas empacotadas 1/8’ de diâmetro externo (2 mm d.i.).
As colunas micro empacotadas apresentam desempenho melhor que as colunas empacotadas convencionais e menor do que as colunas capilares e maior capacidade que as colunas capilares.
Em relação às colunas capilares PLOT, são mais baratas, mais robustas e duráveis.

As colunas micro empacotadas oferecem as seguintes características
• Maior eficiência em relação às colunas empacotadas tradicionais.
• Maior rapidez de analise em relação às colunas empacotadas tradicionais
• Maior capacidade que as colunas PLOT.
• Colunas metálicas que também podem contar com revestimentos inertes.
• Podem ser instaladas na maioria dos equipamentos sem que seja necessária nenhuma adaptação.
• Menor capacidade que as colunas empacotadas tradicionais podem aumentar os limites de detecção.
.As colunas micro empacotadas reduzem bastante os tempos de análise sem afetar significativamente o desempenho analítico.
Requisitos do instrumento
Para usar as colunas micro empacotadas é necessária uma alta pressão do gás de arraste, para superar a resistência à passagem de gás criada pelo diâmetro estreito do tubo e a densidade do empacotamento. Para o Hélio as pressões típicas na cabeça de coluna para será de 30 a 45 psi para colunas com 1 mm d.i. e de 50 a 65 para colunas de 0,75 mm d.i.

A instalação de colunas micropasadas variará de acordo com a marca e o modelo do instrumento. As porcas de porto de injeção em muitas portas de injeção de coluna capilar acomodarão colunas micro empacotadas de 0,95 mm de diâmetro, mas não colunas diametro externo de 1/16 de polegada. Se a porca do porto de injeção não acomodar a coluna, você pode adicionar um pequeno pedaço de tubo de sílica fundida de 0,53 mm de diâmetro ou tubo de aço de 1/32 polegadas em cada extremidade da coluna, usando uniões de compressão de 1/16 de polegada e as anilhas apropriadas. Alternativamente, a Restek vende kits de conversão de entrada que contêm seleções apropriadas de acessórios para portos de injeção.

Para GCs com portos de injeção para coluna empacotda, uma anilha rebaixada ou uma união redutora de tubo final e anilhas adequadas, geralmente são tudo o que é necessário para instalar uma coluna micro empacotada.
Aplicações

As colunas micro empacotadas têm uma ampla gama de aplicações, desde análises dos gases mais leves (gases permanentes) até a destilação de coluna simulada (Sim-Dist). Eles são especialmente úteis para análises de misturas de gases, incluindo compostos de enxofre ou hidrocarbonetos leves, em que é necessária a utilização de uma coluna empacotada para obter separações dos componentes gasosos.

Normalmente, os picos no cromatograma são mais agudos do que nas colunas empacotadas tradicionais e as colunas micro empacotadas são menos propensas a serem sobrecarregadas por amostras concentradas do que as colunas capilares. No entanto, as colunas micro empacotadas têm limitações, como colunas empacotadas, elas não têm a eficiência das colunas capilares. Portanto, eles tipicamente não são adequados para separações basicas de misturas multi-componentes complexas. Também, como colunas empacotadas, eles exigem uma taxa de fluxo de gás portador que é maior do que a maioria dos sistemas de bombeamento de espectrômetros de massa pode aceitar.

Ao escolher uma coluna micro empacotada, considere que, como uma coluna qualquer, o diâmetro interno afeta a capacidade da coluna. Se você pretende usar um detector sensível, como um detector de ionização de hélio (HID), detector de ionização de chama (FID), detector de nitrogênio-fósforo (NPD) ou detector fotométrico de chamas (FPD), geralmente você pode usar uma coluna de diametro interno menor – uma coluna capilar convencional ou uma coluna microempacotada. Se você pretende usar um detector de condutividade térmica (TCD), no entanto, considere usar uma coluna empacotada de 1/8 polegada diametro externo, no caso de determinaçao de baixas concentracoes em vez de uma coluna capilar ou uma coluna microempacotada.
Em geral os cromatografos para determinacao de gases de refinaria na configuracao para análises rápidas usando colunas microempacotadas tem como limite de deteccao 150 ppm para gases permanentes enquanto os convencionais com coluna empacotada apresentam limite de deteccao de 100 ppm.

O catalogo de colunas microempacotadas trazem aplicações típicas dessas colunas